EMPRESA
 
CURSOS

CURSOS ABERTOS

 
NOTÍCIAS
 
CONTATO


LINKS

 

 

 

 

 

 

      CFAE


Centro de Formação e Aperfeiçoamento em Emergências

 
>>NOTÍCIA inserida nesta terça-feira - 15/09/2009  -  11h2
5

Presídio monta CIPA inédita com presos

Evitar acidentes e identificar qualquer problema que possa causar dificuldades no trabalho e na saúde de funcionários e dos presos no CR (Centro de Ressocialização) de Araçatuba (SP). Essa é a proposta da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) criada no CR.

O diferencial é que o CR de Araçatuba é a primeira unidade prisional deste tipo em todo o Estado a ter uma CIPA. O pioneirismo vai mais longe: a CIPA do CR é a única entre todas das demais unidades prisionais paulistas com caráter misto que reúne representantes dos presos.


Entre os trabalhos feitos pelos detentos, estão pinturas e peças de artesanato: oportunidade de recuperação social


A comissão é formada por onze membros representantes dos funcionários do CR, da ONG (Organização Não Governamental) Crisep (Centro de Recuperação e Inserção Social em Estabelecimentos Penais) e dos 220 presos.

Todos unidos para identificar situações de risco e elaborar ações para que essas situações não se transformem em acidentes. "A CIPA possibilita qualidade de vida ao preso e permite que ele se sinta motivado para voltar à sociedade", afirma a diretora-geral do CR, Elisa Maria Malacrida.



Na prática, o trabalho da
CIPA contribui para melhorar a qualidade de vida e a saúde física e mental de internos e funcionários. Isso ocorre por meio de campanhas de vacinação, cuidados a serem tomados nas oficinas de trabalhos, e ações para evitar o desperdício de qualquer material.

Em quatro anos de funcionamento, o CR registrou um único acidente: um funcionário caiu de um escada e feriu a cabeça ao tentar subir no telhado de uma ala para verificar um barulho. A diretora geral do CR afirma que o acidente motivou a criação da
CIPA, embora a formação da comissão já estivesse em andamento desde o ano passado.

A preocupação com a segurança e qualidade de vida é grande no CR porque os presos participam de atividades de manutenção da unidade prisional, como trabalhos na lavanderia, cozinha, padaria, faxina geral, ou auxiliam enfermeiros, dentistas, segurança e disciplina, prontuário, copa da administração.

 

Voltar para NOTÍCIAS


Desenvolvimento: CFAE© Informática - Uberaba/MG - Todos os direitos reservados